Carnaval x ir ao banheiro: Está pronta para enfrentar o desafio?

Criado por Letícia Castro em em 28/02/2014

ir-banheiro-mulheres-carnaval
Prender a urina deixa a pessoa propensa a infecção urinária, que pode piorar e atingir os rins

O Carnaval chegou e, com ele, um perigoso hábito, recorrente especialmente entre as mulheres: segurar a urina. Por causa do desconforto para usar banheiros públicos, elas costumam reter a micção por longos períodos de tempo, durante os quatro dias da folia ou enquanto a festa durar. O problema é que, mesmo parecendo um gesto inofensivo, ele pode trazer consequências para a saúde.

Segundo o nefrologista Rui Alberto Gomes, do Instituto de Nefrologia de Mogi das Cruzes, quem tem esse hábito está propenso a desenvolver infecção urinária, que pode piorar e até mesmo levar a uma doença renal. “Uma vez ou outra, quando não há banheiro por perto, por exemplo, não faz mal, mas a frequência é que é perigosa. As mulheres, principalmente, devem tomar mais cuidado. Como elas possuem a uretra (canal por onde passa a urina) mais curta do que a do homem, contraem infecção urinária com mais facilidade. O ideal, entretanto, para ambos os sexos, é não retardar a micção, urinando toda vez que sentir vontade”, adverte o médico.

Gomes salienta que a maioria das infecções urinárias, sobretudo a cistite (tipo mais comum da doença), não costuma ser grave e os quadros são relativamente simples de serem curados. Porém, se não forem tratadas adequadamente, podem atingir os rins, causando a pielonefrite (infecção no trato urinário que afeta quase todas as estruturas do rim). Quando isso acontece, a infecção passa a ser mais grave e exige assistência médica imediata, para um tratamento adequado e mais prolongado.

Quando o órgão é atingido, os sintomas comuns da cistite mudam (dor ao urinar e aumento do número de idas ao banheiro) e a pessoa passa a apresentar febre, dores na região lombar e calafrios.“Na pielonefrite, existe até mesmo o risco potencial de a infecção se generalizar pelo corpo, causando uma septicemia, trazendo risco de morte ao paciente; daí a importância do adequado e imediato tratamento”, explica Gomes.

O recomendado, de acordo com o médico, é sempre procurar um especialista ao sentir quaisquer sintomas diferentes no corpo.

Algumas dicas para as meninas enfrentarem o Carnaval aliviadas:

1. Mesmo se estiver atrás do trio elétrico, ao começar a sentir vontade, procure imediatamente pelos sanitários

2. Vá ao banheiro e fique de pé para urinar

3. Forre o vaso sanitário com papel higiênico

4. Não suba na privada, pois você pode escorregar e fraturar pés e pernas

5. E não se esqueça jamais de levar papel higiênico, não apenas para o Carnaval, mas sempre que for a uma aglomeração. A falta do papel não pode ser desculpa para deixar de ir ao banheiro.

Escreva um comentário


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/babelpontocom/www/wp-content/themes/default/template-pre-footer.php on line 7

Warning: reset() expects parameter 1 to be array, string given in /home/babelpontocom/www/wp-content/themes/default/template-pre-footer.php on line 60