Quando a educação encontra as mídias sociais: A história do Voluntariando-C

Criado por Letícia Castro em em 26/09/2011

Uma professora de biologia de São Paulo e a vontade de ensinar os alunos a fazerem a diferença. Do outro lado, um grupo de apoio a portadores de hepatite e doadores de órgãos de Santa Catarina e uma pedagoga da capital Federal. Entre eles, um microblogging com a capacidade de unir as pontas distantes do país. Nascia o Voluntariando-C e Silvia Rinaldi e alunos mal sabiam que conseguiriam levar a mensagem até o Ministério da Saúde, em Brasília.

Voluntariando-C: a história

Silvia Rinaldi e duas de suas paixões

No início do ano de 2011, a professora de biologia Silvia Rinaldi se viu diante de um dilema: desenvolver uma atividade realmente significativa para a avaliação trimestral dos alunos de Ciências da escola onde leciona, na Zona Sul de São Paulo. A ideia era ir além, envolver seu contato frequente com a turma através do Twitter e captar mais colaboradores, usando o microblogging.

A rede, na verdade, ajudou a definir o tema. O contato com o canal do @grupohercules, de SC, e com Ana Paula Barcellos do @AnimandoC, de Brasília (quem deu o nome ao trabalho, tendo sido ela mesma diagnosticada com hepatite C), abriu a possibilidade de levar aos alunos, sua comunidade e ao mundo, a realidade de quem tem a doença e precisa, na maioria das vezes, de um transplante de órgãos urgente. Como diz Fernando Cezar P. Santos, do Grupo Hércules, transplantado após ser diagnosticado com hepatite C, “Aquele que não doa, talvez tema a morte até depois de ela já ter se consumado. E para aquele que aguarda uma doação, talvez o medo venha depois da angústia, da incerteza, do desalento e principalmente da esperança.”

Com o tema em mãos, Silvia e alunos não pensaram duas vezes e usaram de todas as formas para a realização e divulgação do projeto de que dispunham: folheto impresso, vídeos na internet, palestras para os alunos da escola e muito debate tanto em sala de aula como na web.

Alunos em ação

 

Capa e miolo do folheto desenvolvido pelos estudantes para a divulgação do projeto

 


Vídeo realizado pelos alunos

 

Voluntariando-C: A repercussão

O zum-zum-zum foi tanto que vários contatos online e offline acabaram se juntando ao propósito, contando sua experiência própria e alertando para a necessidade de um melhor conhecimento sobre a doença e, principalmente, de se fazer o exame para o diagnóstico e tratamento. Segundo o Grupo Hércules, cerca de cinco milhões de brasileiros carregam o vírus das hepatites B e C e praticamente 90% deles desconhecem o fato.

A campanha de conscientização dos estudantes atingiu não apenas o âmbito local, como se espalhou em um verdadeiro “viral do bem” pela rede. Feliz da vida, Silvia constatou que o canal do Twitter do Ministério da Saúde havia comentado sua iniciativa:

HepatitesMS Hepatites MS

Professora @SilviaRinaldi, inova no ensino e estimula o conhecimento da hepatite C entre seus alunos. #hepatites bit.ly/pci3r1

O Sindicato dos Professores de Brasília também se manifestou, parabenizando os realizadores do projeto:

Sinproep_DF Sinproep-DF

@SilviaRinaldi Boa tarde, professora. Eu li sobre o seu projeto num tweet do @HepatitesMS. Muito legal.”

E o próprio Ministro da Saúde, Alexandre Padilha, deu RT no tweet lançado por Silvia:

@SilviaRinaldi Silvia Rinaldi

Ministro @padilhando alunos em SP divulgando a prevenção às #hepatitesbit.ly/pCarkj
7 Sep via TweetDeckRetweeted by padilhando

O ânimo injetado pela repercussão do projeto foi tão expressivo que, para o futuro, a professora planeja desempenhar o mesmo trabalho com os alunos do Ensino Médio.

Imagens: Gilson B. Santos e Silvia Rinaldi

Comentários (14)
  1. Anonymous comentou, em 26/09/2011:

    Letícia
    Palavras apenas não expressariam minha gratidão e agradecimento. Esse projeto está tendo uma repercussão também por um motivo especial: é uma atividade na qual os alunos são os protagonistas e não poderia ser diferente…Essa trajetória foi construída por eles e a eles se deve todo o mérito desse sucesso. E sem a a ajuda do Fernando e da Ana Flor não haveria nem a metade do brilho que tem. A eles, também, nossos sinceros agradecimentos.
    Obrigada por tudo, sempre.
    Silvia Rinaldi

    Responder
  2. Geraldo comentou, em 26/09/2011:

    Olá Leticia,

    Que projeto fantástico uniu pessoas tão talentosas como a Silvia e o Fernando..

    Parabéns a todos os envolvidos..

    Abraço

    Responder
  3. LETÍCIA CASTRO comentou, em 26/09/2011:

    Si, a honra foi minha. A pauta vai de encontro com um dos objetivos do blog que é repercutir ações do bem. Vcs todos estão de parabéns! Beijones!

    Responder
  4. LETÍCIA CASTRO comentou, em 26/09/2011:

    Amigo, eu é que agradeço o seu comentário, carinhoso como sempre. Beijos!

    Responder
  5. Jessica Sombra comentou, em 27/09/2011:

    Quão grandioso é encontrar pessoas que se dispõem a atingir a esfera de terceiros com aquilo que realmente importa: o saber, o conhecimento, a informação, a solidariedade e responsabilidade social. Quando se trata desse tipo de coisa, abro os braços e espero, feliz, o bombardeio. Parabenizo a Prof. Silvia Rinaldi e os amigos Ana Barcellos (Animando-C) e o nosso querido Fernando Santos, ao “meu Nandinho”, do Grupo Hércules/SC. O Rotaract Mossoró/RN (@RCTMossoro), como parte da família rotária, está muito interessado em trazer esse ato nobre para nossa cidade, Estado e, com sorte, Distrito (nosso Distrito, do Rotary, é o 4500: RN, PB e PE). Aproveito para renovar a estima em relação a este sítio, na pessoa de sua desenvolvedora, a Letícia Castro. A nossa “Lele”, em tão pouco tempo, já tem um espaço enorme no meu coraçãozinho. Beijos a vocês, anjos! Continuem mostrando que sim, que é possível transformar o entorno. Shalom!

    Responder
  6. LETÍCIA CASTRO comentou, em 27/09/2011:

    Se é! Olhem o barulho que estamos fazendo, né? Mas, as iniciativas da Si e seus alunos, da Aninha e do Fernando foram tão expressivas que tinham que convergir e causar esta explosão na net. Tomara que quem ler este post, sinta a enorme vontade que tive de levá-la aos seus e propagar esse ato de despertar da população diante de um tema tão sério e que atinge a todos.

    Vamos cruzar os dedinhos pelo plano de levar o projeto até o seu distrito rotário, Jess, pois, tenho certeza que você, com a enorme força e coração que tem, vai fazê-lo tomar uma nova dimensão, ainda mais significativa.

    Amei seu comentário e seja bem-vinda à Migdal Bavel! Você também já fincou bandeira no lev sheli. : )

    Beijucos!

    Responder
  7. jorge fortunato comentou, em 27/09/2011:

    Letícia,
    A matéria ficou ótima. parabéns por divulgar esse trabalho tão bacana!
    Beijos

    Responder
  8. Anonymous comentou, em 27/09/2011:

    tó muitooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooooo feliz pelo nosso trabalho da hepatite C e da doação de orgãos der dado super certo e saber que ele da sendo muitooooooooooo importante para alertar as pessoas
    agradeço a todos que ajudaram pra se trabalho ter chegado até aqui ou vai até mais além sei que muita coisa foi a gente que fez pra chegar até aqui
    muito obrigada por publicar nosso trabalho
    beijos

    Responder
  9. LETÍCIA CASTRO comentou, em 27/09/2011:

    Oi, Jô querido! É, o trabalho é realmente louvável e temos mais é que divulgar, né?

    Obrigada pelo seu comentário, viu? Adoro quando vc comenta aqui! :)

    Beijinhos!

    Responder
  10. LETÍCIA CASTRO comentou, em 27/09/2011:

    Anônimo querido…

    Desconfio que vc seja uma das gracinhas que deram vida a este projeto, né? Sendo assim, PARABÉNS! Que vc continue pela vida com essa consciência e vontade de ajudar o próximo. Show de bola!

    Beijinhos e muito obrigada pelo comentário!

    Responder
  11. Grupo Hércules SC comentou, em 27/09/2011:

    Oi Letícia,

    Algo que começa verdadeiro e espontâneo tem grande possibilidade de crescer indefinidamente e atingir níveis sequer imaginados. A Sílvia e seus alunos imprimiram estas duas características no Voluntariando C.

    Estes jovens são muito especiais!

    Você também :)
    Parabéns pelo excelente texto.

    Responder
  12. LETÍCIA CASTRO comentou, em 27/09/2011:

    Concordo plenamente com o que vc disse, Fernando. Acho que ainda teremos notícias enormes dessa iniciativa… ;) E estaremos sempre prontos a divulgar.

    Vc, querido. Beijão, viu? E obrigada pelo comment!

    Responder
  13. Ana Flor comentou, em 28/09/2011:

    Letícia,

    Quando eu penso nesses jovens cidadãos regidos pela linda Silvia Rinaldi preocupados não só com a própria saúde e de sua família, mas mobilizados para disseminar informações sobre as hepatites e doações na comunidade, fico muito emocionada. No meu coração, é reforçada a crença nas pessoas e num futuro melhor para todos.
    Agradeço pela oportunidade de ter podido fazer parte disso.
    Deixo novamente meu beijo à Sílvia, Fernando e todos os alunos que fizeram tudo isso acontecer.
    E, claro, a você e à Jéssica Sombra que ajudaram a divulgar a iniciativa. Tomara que ela sirva de inspiração.

    Beijoka!

    Responder
  14. LETÍCIA CASTRO comentou, em 30/09/2011:

    Oi, Ana! Que bom te encontrar aqui também.

    Pois é, não é uma lição admirável de cidadania? Eu também fico comovida em pensar nesses jovens corações inflamados por ajudar o próximo, aprendendo a ser do bem. Parabéns mesmo a toda essa equipe envolvida em um ato tão nobre, você incluída com muito louvor!

    Beijão, querida, e obrigada pelo comentário!

    Responder

Escreva um comentário


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/babelpontocom/www/wp-content/themes/default/template-pre-footer.php on line 7

Warning: reset() expects parameter 1 to be array, string given in /home/babelpontocom/www/wp-content/themes/default/template-pre-footer.php on line 60