Leitores preguiçosos: como lidar com eles?

Criado por Letícia Castro em em 04/02/2009

preguicaAté o Bradypus variegatus seria bem mais atento

Não os chamando de leitores, para começar. São passantes, visitantes, bem-vindos, como sempre, mas não são leitores. A maioria dos blogueiros que publicam textos longos certamente já se deu conta de que alguns visitantes não leem os seus posts. E, não importa o que você faça, eles simplesmente não leem. Até aí, tudo bem, não deixa de ser abominável, mas é um fenômeno comum. Um tanto irritante, no entanto, é quando, além de não lerem os textos, os ditos “frequentadores”, imbuídos por um direito que não lhes foi atribuído, fazem uma crítica, visando fazer boa figura, de algum detalhe que está devidamente explicado dentro do texto e do qual ele saberia, se o tivesse lido.

Foi o que aconteceu com o Babel há alguns dias, em relação a um comentário feito no post anterior a este, cuja pauta eram as produções da CG Filmes. Uma leitora, que não é preciso identificar, pois o comentário está publicado, atropelou como um trator o aviso, logo abaixo do título do post, pedindo para que o leitor desabilitasse a música que se ouve atualmente ao abrir o blog, caso quisesse, e deixou o seguinte recado: “Adorei o seu blog, porém logo ao entrar tem uma “musiquinha”. (…) queria parar e na hora não achei o player (…) no momento estou escutando outra música e fica estranho sua música e ao fundo uma legião urbana, certo? Depois de um tempo encontrei o tal player, mas nem parece um player, é muito pequeno. Seus leitores agradecem.” O aviso, logo abaixo do título, pedia: “(Se preferir, desabilite a música no post “Silvia Machete: humor, circo e música de primeira”, mais abaixo)”. Conclusão: ela não leu o texto (“Adorei o seu blog…”?) e nem é preciso comentar a revolta que isso causa.

De qualquer maneira, o Babel não costuma “atacar” quem faz comentários por aqui e tem muita sorte com os leitores assíduos que, além de ler alguns “tijolões” postados de vez em quando, enaltecem o trabalho do blog com comentários agregadores e construtivos. É um alívio. Mas, não é o que acontece blogosfera afora e muitos parceiros se queixam da tal preguiça de ler. Alguém já disse que estas pessoas deveriam escrever, um milhão de vezes na lousa do inferno: “Vou deixar de ser preguiçoso e ler o texto” (ou algo assim)! E não é para ficar indignado? Pior ainda quando você também publica textos no seu blog e, certamente, gostaria que eles fossem lidos por inteiro. Não é o caso de levantar chavões que nada agregam à vida e soltar um: “brasileiro tem preguiça de ler”. Mas, o caso é sério e vergonhoso. Ao não ler o conteúdo de um post, perde-se muito em não se informar sobre temas bacanas, na maioria das vezes. Portanto, fica o recado: não ler é feio, denigre a nossa imagem e despreza o trabalho alheio, pense nisso.

E você, parceiro blogueiro, o que pensa de tudo isso? Diga como lida com leitores preguiçosos e conte também a sua história!

Leia também:
Estão torturando o português na blogosfera!

Comentários (35)
  1. Luciano comentou, em 04/02/2009:

    Concordo em “gênero, número e degrau!!” ahahhahah
    Adorei o que está relatado neste post.
    O que nos deixa (nós leitores) muito tristes é que não lêem “somente” os posts, como também não lêem NADA!
    O nível de informação e cultura entre nós brasileiros está classificado como um dos piores do mundo.
    Deixando os problemas governamentais de lado, quem hoje não tem acesso ao mundo mágico da grande rede? Claro que têm acesso! Acontece que não a utilizam para alargar a capacidade mental e sim para bater-papo, atualizar o ORKUT ou em busca de pornografia, ou seja, hiperatrofiando o cérebro (célebro para eles).
    Citando mais um exemplo: o maior jornal do Brasil tem uma tiragem média diária de mais ou menos uns 500.000 exemplares. Levando-se em conta que o número de habitantes, potenciais leitores, gire na casa dos 50.000.000, alguma está faltando para os outros 49.500.000, não?
    Parabéns pelo post e continue assim, incentivando aqueles que apreciam uma boa leitura.
    Bjs.

    Responder
  2. rebloggando-requeri comentou, em 04/02/2009:

    cumadi, vc tirou as palavras do meu pensamento, da minha boca, dos meus dedos, da minha ira …

    eles pensam, inclusive, que a gente não percebe que não lêem … eu percebo!!!

    beijo.

    aliás, bem lembrado, pq vc some??????

    Responder
  3. Alexandre Brendim comentou, em 04/02/2009:

    putz….eu acho que sou o leitor mais preguiçoso do dihitt…

    Eu leio os artigos só de alguns iluminados e estou ficando cada vez mais criterioso para ler menos, hehehehheheheheheh

    onde desliga essa musiquinha hein????

    ehheheheheeheeehheeheeeheheheheheh

    Responder
  4. blogdocatarino.com comentou, em 04/02/2009:

    O seu relato é bem comum, não lêem tudo e já saem comentando.
    Em dezembro passado eu fiquei 10 dias sem acessar o blog e deixei uma mensagem falando dessa impossibilidade, mesmo assim o blog parceiro me fez uma pergunta e como eu não respondi de imediato voltou e disse que iria acabar com a parceria, pois eu não tinha consideração com ele.
    Mas é da vida e eu nem ligo.

    Responder
  5. Kaique comentou, em 04/02/2009:

    Quanto à esse leitores sedentarios… bom, quem está perdendo uma boa leitura são eles! ahuuauhau
    Abraços.

    Responder
  6. SILVIA comentou, em 04/02/2009:

    Oi minha filha….

    eh eh eh eh…. essa é a minha filhota, não deixa a batata assar e não “leva desaforo para casa”. Fez muito bem esse desabafo não só a você, mas a nós que adoramos ler (eu em particular até bula de remédio)principalmente tudo o que você publica, pois é matéria de primeiro grau. ´Talvez a dita cuja “leitora qu disse essas abobrinhas” nem sabe o que é um post, portanto não saberia onde desabilitar a música.
    Tenho certeza que se ela ler o que você acaba de publicar, nunca mais vai abrir a boca e falar tanta asneira, antes de pelo menos ler alguma matéria até o fim.

    beijos com saudades…. TE AMO!!!!

    tu mamita

    Responder
  7. bypoesia comentou, em 04/02/2009:

    O caso é que tem as salsas digitais e sendo assim não é possível de se livrar deles, meu blog não anda tendo muito comentários, mas quando aparecem essas salsas eu não publico o comentário porque até então meu blog não é nenhuma horta pára serem plantas coisas que trazem indigestão e dor de barriga eu simplesmente ignoro sem sombra de duvidas e nem chateado eu fico porque o que não presta joga-se fora, e no caso de não lerem o texto do post é muito comum em todos os blogs isso que têm alguns deles que acham que está divulgando o seu blog fazendo essas atrocidades e outros acham também que seu comentário foi muito inteligente ao não ler o texto e nem saberem o assunto infelizmente é assim vão direto baseando-se no titulo credo em cruz rs!

    Responder
  8. Rodrigo Piva comentou, em 04/02/2009:

    É fuego, Lê… Essas figuras sempre aparecem. Só me pergunto qual o intuito de comentar ou mesmo criticar algo que não se deu ao trabalho de ler? Querer se auto divulgar pode ter o efeito inverno já que atrairá mais inimigos do que visitantes, mas… Cose della vita. :-)

    Beijão

    Responder
  9. jorge fortunato comentou, em 04/02/2009:

    Como só tenho 20 leitores…rs Acho que todos leem tudo, até porque sempre faço textos bem enxutos. Não chego a ser um passante, porém quando encontro um texto muito longo eu pário e óbvio, nem comento.
    Acredito que os autores de blogs devem pensar em quem vai ler o texto, por isso a leitura tem que ser agradável. Ler na tela do computador é um pouco desconfortável. Há quem goste, há quem não tenha paciência, etc.
    Eu não gosto de entrar num blog, com letra miudinha, fundo preto, muita coisa piscando, etc, etc. Uma vez pedi à uma amiga que aumentasse um pouco a letra do blog, pois estava impossível ler. Tem blogs com visual lindo, mas é tanta coisa, além do texto que vc não sabe o que faz primeiro. Será que ssaí um pouco do assunto? Talvez.
    Um beijo
    Jorge

    Responder
  10. Wander Veroni comentou, em 04/02/2009:

    Oi, Lê!

    É uma verdadeira batalha que travamos na blogosfera em busca de garimpar leitores e, principalmente, de alertar os blogueiros que eles devem RESPEITAR os colegas e, principalmente, os seus leitores.

    Nossa, dá para montar um livro só com pérolas de comentários programados (e mal interpretados). Acho que você, Marcelo Leite (Saco de Filó), Euzer (Metendo o Bedelho) e eu somos uns dos tantos outros blogueiros que lutam por uma blogosfera que saiba ler, interpretar e comentar. Tem autores que atacam os outros por coisas bobas, só pra gerar polêmica, sabe.

    Custa ler? Custa ser humilde? Custa ir lá no navegador e aumentar a letra pra ler o texto? Custa ir lá e apertar o pause do player se não quer ouvir a música? Temos que parar com esse didatismo e achar que o leitor é sempre estúpido. Se não forçamos a barra pra interpretar vamos continuar uma mídia cada vez mais didática e imbecializada.

    Também já passei muita raiva e o seu post-desabafo veio no momento certo pra fazer esse alerta. Não se trata de querer uma blogosfera intelectualizada e bam-bam, mas simplesmente ser contra a imbecilização de um espaço que já sofre um preconceito danado de ser encarado como mídia.

    Ai meu Deus, tô olhando aqui e o comentário ficou enorme…hehehe…desculpa…rs…épq sou empolgado mesmo e debater um assunto…hehehe. Vc sabe que te apoio sempre, né! Tô contigo e não abro, loira!

    Beijos,

    =]
    —————-
    http://cafecomnoticias.blogspot.com

    Responder
  11. Arnaldo Reis Trindade comentou, em 04/02/2009:

    Amiga,vejo isso direto no meu blog e olhe que meu blog não tem nem 200 comentários, acho que já teve uma média de umas 6000 visualizações e mesmo assim tenho problema com alguns comentários e sei quanto é chato não ter seus textos lidos, infelizmente tenho culpa nisso pois sou um digitador( escritor) compulsivo e escrevo cada vez mais, principalmente quando falo em temas que eu odeio ou que eu amo demais e acabo me aprofundando demais em certos assuntos, mas mesmo assim tenho raiva destes não-leitores.

    Bjo.

    Responder
  12. requeri comentou, em 04/02/2009:

    eu fiz isso quando fui pro interior da frança … liguei pro cla e disse que eu me sentia num filme frances ….

    Responder
  13. Arnaldo Reis Trindade comentou, em 04/02/2009:

    Amiga, esqueci de falar que resolvi tomar vergonha na cara e comentar em todos os blogs que visito e não só no seu, hauhau, passei no do Wander hoje cedo e lí praticamente todos os posts, comentei nos últimos e vou tentar visitá-lo mais.
    Beijo

    Responder
  14. Renatinha! comentou, em 04/02/2009:

    Oi Lê!
    Pior q acontece isso msm né?
    Eu msm morro de preguiça de ler alguns textos, ainda mais os que tem letras pequenininhas [sou meio cega sabe!], mas eu não sou daquelas que criticam e tals, se eu não leio o post eu dou um oizinho e um tchau! Hehe… =P
    Bjo querida!
    T+

    Responder
  15. Francisco Castro comentou, em 04/02/2009:

    Olá, na grande amioria das vezes a gente tem um trabalho muito grande em preparar um texto para publicar e depois verificar que alguém faz uma crítica se ao menos ter lido é bastante triste. Evidentemente, tem alguns temas que não são muito palatáveis para determinadas pessoas. Por exemplo, alguém que detesta número e tem um texto repleto de números, certamente essa pessoa não irá ler esse texto. Mas, deveria pelo menos explicar porque não leu o texto. No seu caso, a leitora disse implicitamente pela a ação dela que não leu o texto, passa a ser até cômico.

    Abraços

    Francisco Castro

    Responder
  16. Edegard comentou, em 04/02/2009:

    Ola Amiga
    No inferno não têm quadro negro, iriam pegar fogo.Rss….O mais importante que eu vejo é que estão lendo o seu Blog e entendendo seu conteúdo, só estão distraídos nos comandos, isso faz parte do brasileiro.
    Um beijão, muito sucesso e luz para você e familia.

    Responder
  17. Michell Niero comentou, em 04/02/2009:

    Olha, pra ser sincero, eu levo numa boa. Acho até oportuno, é interessante conhecer essa molecada preguiçosa, egoista, uma geração antes da minha mas tão diferente. Sem acham malandros, acham que pensar cansa, dá cárie, sem lá.

    Os comentários cretinos já se tornaram meu objeto de análise, quem sabe eu não uso no meu mestrado lá na frente.

    Esses dias mesmo teve um sujeito que lá na comunidade do Orkut dizendo que não comentou no Patifúndio porque não estava abrindo. Eu respondi logo em seguida “tá abrindo sim senhor…”. Não deu outra. Dois minutos depois tava lá um comentário. “ô meu, desculpa ae, é que meu pc tá phoda, é muito lento”.

    Pelo pilantra na curva, não tem jeito. O importante é que no meio dessa sujeira toda sempre tem opiniões muito importantes pra mim.

    Um beijo

    Responder
  18. Kleber Anderson comentou, em 05/02/2009:

    Letícia, tem hora que é muito bom desabafar. Poder falar aquilo que está lá no fundo. E este teu desabafo é algo bem comum. Já pensei várias vezes em falar. Mas sempre adiava. Ainda bem que você não ficou de firula e mandou ver! Parabéns!

    No início do meu blog, cheguei a criar alguns post que não davam muita audiência. É claro, que não poderia chutar o balde por isso (blog novato é assim mesmo). Tem que conseguir conquistar a confiança do leitor. Então resolvi mudar uma das estratégias: passei a colocar pelo menos uma imagem nos posts para ver se atraia atenção. Não é que melhorou? Hehe

    Sei que parece coisa de criança (“Tia! Esse livro não tem figurinhas então não vou ler!:( “) mas tem muito leitor assim. Ok! Melhorou a visita… mas não foi a solução. A taxa de tempo de navegação em meu blog é assustadora. Será que longos textos são tão assustadores assim? O leitor percebe que um longo artigo é sinal de um texto bem preparado, pesquisado e trabalhado? A menos que meu português seja um lixo… bom, isso não sei (não cabe a mim avaliar).

    Mas eu te falo Letícia, sou super a favor de tua cobrança e te digo: Seus esforços não são em vão! Alguns leitores (sortudos) puderam acompanhar teu raciocínio, aprenderam e enriqueceram culturalmente. São leitores de um grupo seleto. Você deve se orgulhar disso. Você é uma formadora de opinião. E este título ninguém pode tirar!

    Abraço.

    Responder
  19. Tico Esteves comentou, em 05/02/2009:

    Fato, brasileiro TEM preguiça de ler! Mas quem sou eu para generalizar. ;)

    Também tenho esse problema, mas acho que no final das contas os leitores de verdade superam as malas. Mas que são malas, isso são! :D

    Gostei do desabafo minha amiga! Bjs

    Ps: Adorei o seu blog, porém logo ao entrar tem uma “musiquinha”… no momento estou escutando outra música e fica estranho sua música e ao fundo uma Florentina, certo? kkkkk

    Responder
  20. LETÍCIA CASTRO comentou, em 05/02/2009:

    “Não sei se tu me amas, pra que tu me seduz?” Hehehe Eu adoro esses meus amigos.

    Beijos a todos!

    Responder
  21. epifannias comentou, em 05/02/2009:

    Parabens pelo post, blog musica de muito bom gosto

    Responder
  22. Ligia Gally comentou, em 05/02/2009:

    Le,

    Adoraria opinar sobre isto mas, estou com preguica de ler o texto. Hahaha.

    Beijao.

    Ta super devagar aqui entao, sobrou um tempinho para passar por aqui.

    Responder
  23. Rozangela comentou, em 05/02/2009:

    Tem razão no que diz, Letícia! Tem os que não lêem ( prometo tirar o acento em 2010)E têm aqueles que entram nos tópicos : Comente o blog acima. E qd vão no seu blog colocam: “Legal seu blog”. Dá p/ notar que não há na citação escrita acima, reticências,entre as aspas? Pois é, o que tem é (sic) pq o que escrevi é fiel ao que leio de vez em qd nos comentários. Isso p/ mim já é ruim. No começo eu ía no blog em questão e descontava ( aqui fica claro a parte criança dentro de mim). Fazia a mesma coisa. Mas aí vi que de nada adiantava. Então parei ( aqui confesso que foi há uns 3 dias atrás). Então resolvi o seguinte, não cobro calotes ( visto que entro nos tópicos : Comente no blog acima)e não desconto calotes.
    Resolvi deixar isso de lado. Pronto!
    Agora isso aqui: Alguém já disse que estas pessoas deveriam escrever, um milhão de vezes na lousa do inferno: “Vou deixar de ser preguiçoso e ler o texto” (ou algo assim)! Foi uma delícia de ler.
    Minha mãe diz: Deixa-se de aprender qd não se escuta e não ler.
    Grande sábia, ela, né?
    Beijinhos!!
    http://cgfilmes.blogspot.com/

    Responder
  24. Junior comentou, em 06/02/2009:

    odeio isso kra
    quando entram no meu blog, comentam e ainda dizem que leram
    putz
    que raiva

    eu sempre leio as coisas, isso garanto

    Responder
  25. rezitchaa: comentou, em 06/02/2009:

    já conheci um cara que não lia os comentários do próprio blog. talvez tenha sido uma única vez, mas foi estranho. e é muito ruim quando escrevemos um texto, damos o melhor e procuramos por opiniões e vem uns caras que não leêm porque acham melhor fazer outra coisa. é bem ‘comentei no seu, agora vai no meu’. hehe

    Responder
  26. Maria Inez comentou, em 06/02/2009:

    Concordo plenamente com você, há leitores que não lêem, estranho não!
    Se entram em um blog devem pelo menos ler alguns post para ver do que se trata.
    Se não quer ler então que não comente para não correr o risco de colocar qualquer asneira.
    Virei uma leitora compulsiva de blogs.

    Responder
  27. A'ZaF comentou, em 06/02/2009:

    Bom, se você sabe que muitos leitores nem lêem os posts para comentar então não preciso ter vergonha de admitir que mal passei do segundo parágrafo…

    Eu particularmente desanimo quando vejo posts grandes (mesmo que eu próprio as vezes faça o mesmo)…ainda mais quando não são do assunto que me interessa :x

    Pior do que ler NOSSA, QUE LEGAL EIN… é ler NOSSA, LEGAL, VISITA O MEU http://WWW...

    ae é tenso

    abraços

    Responder
  28. LETÍCIA CASTRO comentou, em 07/02/2009:

    Ai, Brasil, Brasil, que acha lindas as suas vergonhas!!! Quem terá pena de ti???
    Tenso e perigoso é tudo o que a tua declaração compreende, prezado Azaf. Não se pode ter orgulho de ter preguiça de ler! Então, não comente. O blog está repleto de vídeos e outras coisinhas mais voltadas ao entretenimento, é só ver as tags ao lado, é rapidinho, nem cansa.
    Mas, afinal de contas, quando é que ler deixou de ser entretenimento?
    Obrigada a todos!

    Responder
  29. Viviane Righi comentou, em 07/02/2009:

    Lelê…
    Esse seu desabafo é mais do que natural e verdadeiro, pois são coisas que acontecem mesmo na blogosfera. Você se dá ao trabalho de produzir um texto super bacana e fica ansiosa para compartilhá-lo, ler as opiniões e aprender também com elas. E quando “passam” leitores desse tipo no blog deixando suas “pérolas”, é realmente desanimador.

    Mas, de tanto “sofrer”, acabei mudando de opinião em relação a essa indignação que sentimos. Eu agora liguei o “f” pra esse tipo de “leitor-passante”. Eu agora simplesmente deleto e pronto. Chega de sofrer!

    Não precisamos ficar nos preocupando com esse tipinho de gente vazia, pois só de ter um ou dois leitores de qualidade já vale a pena.

    Temos que pensar que, mesmo sem saber, agradamos a muitos leitores até então anônimos. Eles podem até não comentar, talvez por não gostarem de fazê-lo, mas podem ser leitores assíduos, mesmo que não saibamos. E é isso o que interessa, no final das contas. Vamos continuar fazendo o nosso papel bem feito e esquecer aqueles que não significam NADA para nós.

    Beijos!

    Responder
  30. Paullo Di Castro comentou, em 07/02/2009:

    Babel, em época de comunicações instantâneas, praticidade nas consultas e dificuldade zero de acesso à informação, os leitores tendem a serem mais preguiçosos, terem um olhar superficial sobre o que acessam. O maior desafio de quam escreve é ser atrativo para o bicho-preguiça, mas sem esquecer a primícia de informar com qualidade e compromisso com o que quer passar.

    Responder
  31. Cilla Adriana comentou, em 07/02/2009:

    Nem me fale! Agora tem graça, você lê o post inteiro de várias pessoas pra comentarem coisas ridículas como “Muito bom o blog, bjs”, “Seu template é lindo” ou, pior, que já me aconteceu: “Não gosto de textos grandes, boa sorte”
    Coitada de mim, que escrevo crônicas. É uma tremenda falta de respeito, mas quem estará perdendo é a pessoa, afinal, se não lê isso, imagine outras coisas? Se não possui o hábito da leitura, né?! É deprimente… mãããs… Eu ainda não sei uma solução para isso. Sei que só respondo comentários em que percebo que a pessoa realmente leu. Os outros eu ignoro, realmente, não me dou ao trabalho de responder. Sei que estou ganhando muito mais com isso! Grande beijo

    Responder
  32. guh comentou, em 07/02/2009:

    Ah eu li tudo e concordo !

    Mas player automático de musica em blog é chato mesmo, principalmente quando a música é chata e o volume do som está alto….já passei por péssimas situações do tipo ¬¬’

    Responder
  33. Groo comentou, em 07/02/2009:

    Eu achava que o problema era comigo. Porque costumo escrever textos longos, mas sempre pautado em assuntos relativos ao cotidiano, de forma mais leve e descontraída, mas sem vulgaridades ou meias-informações.

    Mas desencanei. Continuo escrevendo meus textos longos ( na verdade nem são tão longos assim, mas é que na grande rede parece que algo além de 5 linhas já é “um romance”) porque esse é meu estilo, gosto de escrever assim e tenho lá meus 3 ou 4 leitores que apreciam.

    Não vou mudar porque muitos não apreciam ler.

    O que acho mais engraçado é que alguns blogueiros acessam meu blog, não leem e comentam: “muito bom seu blog”. Aí, como sempre faço, retribuo a visita e o comentário. Se eu gosto do blog, passo a acompanhar e deixo comentários. Mas o blogueiro que passou ( esse é o termo) em meu blog e disse que era “muito bom” nunca mais voltou.

    Claro que há questões de preferências…há temas em blogs que a pessoa não tem ânimo para comentar. É questão pessoal. Eu, por exemplo, evito blogs de poesias. É algo pessoal. Mas a partir do momento em que a pessoa deixa um comentário em um blog pressupõe-se que ela leu o que foi escrito e merece algo mais que um “legal seu blog passa no meu”.

    A crítica é bastante pertinente. Valeu mesmo por ter tocado no assunto.

    abs!

    Responder
  34. Daniel A. S. comentou, em 11/02/2009:

    É lamentável mesmo essas pessoas que passam em nossos blogs e não leem o texto, as vezes apenas deixam um comentariozinho dizendo “adore seu blog, ótimo texto” é terrivel.

    Um abraço!

    http://daniel.a.s.zip.net

    Responder
  35. alemdacurva comentou, em 13/02/2009:

    Acontece isso muitas vezes com o meu blog, mas ainda bem que não reclamaram de nada do blog, design ou qualquer outra coisa.Mas existem comentários no meu blog que claramente são feitos por pessoas que não leram o seu texto, que com tanto carinho publiquei. Muitas vezes a pessoa só quer fazer a propagando do seu blog na caixa de comentários, não quer conhecer o seu trabalho.
    Mas fazemos o melhor trabalho possível, sabendo que certamente existem pessoas que leem e, principalmente, por nós mesmo que não vivemos sem escrever.

    Responder

Escreva um comentário


    Warning: Invalid argument supplied for foreach() in /home/babelpontocom/www/wp-content/themes/default/template-pre-footer.php on line 7

Warning: reset() expects parameter 1 to be array, string given in /home/babelpontocom/www/wp-content/themes/default/template-pre-footer.php on line 60